Bombeiros de Alagoas alertam sobre os riscos de afogamento Reviewed by Praias Alagoanas on . O Grupamento de Salvamento Aquático (GSA) do Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas (CBMAL) alerta os banhistas sobre os perigos de afogamentos em praias. Ainda O Grupamento de Salvamento Aquático (GSA) do Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas (CBMAL) alerta os banhistas sobre os perigos de afogamentos em praias. Ainda Rating: 0
Você está aqui:Home » Notícias » Bombeiros de Alagoas alertam sobre os riscos de afogamento

Bombeiros de Alagoas alertam sobre os riscos de afogamento

O Grupamento de Salvamento Aquático (GSA) do Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas (CBMAL) alerta os banhistas sobre os perigos de afogamentos em praias. Ainda no período da Operação Verão, que se estende até o dia 27 de março, o trabalho do GSA tem sido bastante ativo nas principais praias de nosso litoral.

Para o tenente coronel Reinaldo Moura, comandante do GSA, o trabalho preventivo dos guarda-vidas é um procedimento padrão do serviço, mas que a orientação dada pelos militares pode ser acatada ou não pelos frequentadores da praia.

“Temos muitas ocorrências envolvendo ingestão de bebidas alcoólicas e de crianças perdidas. Pedimos aos pais que redobrem o cuidado com as crianças, segurança nunca é demais. É importante também ter cuidado com o consumo excessivo do álcool porque ele afeta nossas habilidades”, disse.

OPERAÇÃO VERÃO

Os bombeiros têm postos de guarda-vidas nas praias do Mirante da Sereia, Guaxuma, Jatiúca, Sobral, Barra Nova, Francês, Barra de São Miguel e Gunga. Os locais foram escolhidos por apresentarem grande concentração de público durante o verão, por apresentarem casos de afogamentos em anos anteriores comprovados estatisticamente, e pelas próprias características do mar com correntes de retorno, sem recifes, profundidade, entre outros.

A praia de Ponta Verde não contempla guarda-vidas porque se trata de uma praia abrigada (com presença de recifes), com maré calma, e, estatisticamente, sem ocorrências nos últimos anos.

“A praia de Ponta Verde é uma das mais seguras do nosso litoral pelas próprias características do mar. Mas o afogamento pode acontecer em piscina ou qualquer outro meio aquoso. Trabalhamos intensamente com a prevenção, mas a responsabilidade maior é do próprio banhista que sempre tem que avaliar o risco que o local proporciona porque ele é a pessoa mais afetada. Na dúvida, sempre escolha a segurança ao invés do risco. Água no umbigo, sinal de perigo”, completa o comandante do GSA.

CUIDADOS

Os banhistas que vão à praia podem pedir informações no posto de guarda-vidas sobre os locais mais seguros. As crianças devem estar com pulseiras de identificação com nome da criança, nome do responsável e telefone para contato para que sejam facilmente encontradas em caso de se perderem de seus pais.

Outra dica é sempre respeitar as placas que sinalizam os locais mais perigosos para o banho. Boias para as crianças dão a falsa impressão de segurança, pois elas podem carregá-las para o fundo. É sempre bom evitar entrar na água após consumo excessivo de bebidas alcoólicas ou alimentação pesada.

AÇÕES PREVENTIVAS

Neste final de semana, os guarda-vidas realizaram 719 ações preventivas, registradas em boletins de ocorrência pelo Sistema de Gestão Operacional Unificado (SisGOU). As prevenções foram realizadas nas praias contempladas pela Operação Verão.

AFOGAMENTOS

Os bombeiros foram acionados para dois casos de afogamentos na tarde deste domingo, 28, na praia da Ponta Verde. O primeiro caso foi de um senhor. Seus filhos, ao perceberem que o pai estava se afogando, entraram no mar para tentar socorrê-lo. Os bombeiros foram acionados para realizar o resgate das vítimas. Dois foram resgatados e um estava desaparecido. O corpo foi encontrado por volta das 4h desta segunda-feira, 29, pela equipe de mergulhadores do Corpo de Bombeiros.

A outra ocorrência envolveu uma criança que estava desacompanhada, também na Ponta Verde. Nas proximidades do farol da Ponta Verde, ela adentrou no mar quando a maré estava seca e não percebeu quando a maré começou a subir. A criança foi resgatada em grau avançado de afogamento e foi encaminhada em estado grave para a área vermelha do Hospital Geral do Estado (HGE).

Nas duas ocorrências foram empregadas as viaturas de resgate, de apoio operacional, de mergulho, além do apoio aéreo com tripulantes do Corpo de Bombeiros e do Samu.

Fonte: Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas

Alagoas é bonito demais

Deixe um comentário

© 2017 Praias Alagoanas - Portal de Turismo em Alagoas.

Menu Title
Voltar para o topo
Menu Title